O Seguro Desemprego 2018 é um benefício de fundamental importância para os trabalhadores brasileiros. Isto porque é meio pelo qual o trabalhador sustentará sua família enquanto não é admitido novamente no mercado de trabalho. Nos últimos anos, o Seguro Desemprego sofreu algumas alterações em suas regras.

Seguro Desemprego 2018

Seguro Desemprego 2018

Por isso, é imprescindível que o trabalhador fique por dentro de todas as novas diretrizes deste benefício. Para tanto, preparamos um artigo com os principais pontos relativos ao seguro desemprego 2018.

Novas regras: Seguro Desemprego 2018

Em 2015, com o objetivo de cortar despesas e aumentar significativamente a arrecadação mediante o cenário de recessão econômica, o Governo Federal propôs novas regras do seguro desemprego. Essas regras atingiram principalmente às pessoas que estão tentando conseguir o seguro desemprego 2018 pela primeira vez.

Antes da reformulação das regras do seguro desemprego, o trabalhador poderia requerer o benefício após seis meses de trabalho consecutivos. Além disso, passou-se a exigir em muitas cidades, o agendamento prévio do seguro desemprego, para evitar as filas nos postos de atendimento do ministério do Trabalho.

  • Com a nova regra, é necessário que o trabalhador exerça atividade remunerada por 12 meses para pedir a primeira vez.
  • Já para pedir a segunda, é necessário trabalhar por 9 meses.
  • Para solicitar a terceira vez, é fundamental que trabalhe por, no mínimo, seis meses.
Tabela Seguro Desemprego

Tabela Seguro Desemprego

Valor do Seguro Desemprego

Para saber o valor do seguro desemprego, o trabalhador precisa realizar alguns cálculos simples que mostraremos abaixo. Lembrando que o cálculo da parcela do seguro desemprego depende da faixa salarial do emprego no qual foi demitido.

  • Até R$ 1.360,70: multiplica-se salário médio por 0.8 (80%)
  • De 1.360,71 até R$ 2.268,05: multiplica-se por 0.5 (50%) e soma-se a 1.0088,56
  • Acima de R$ 2.268,05: O valor da parcela será de R$ 1.542,24 invariavelmente.

Consulta ao Seguro Desemprego

Não é mais preciso ir até uma agência da Caixa Econômica Federal realizar a consulta ao seguro desemprego. Com o mundo cada vez mais conectado, essa consulta pode ser feita diretamente na internet. Basta apenas seguir as instruções abaixo:

  1. Acesse o site da Caixa Econômica, mais especificamente à área de consulta ao seguro desemprego, pelo endereço eletrônico: https://sisgr.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01.
  2. Preencha os campos requeridos no formulário de login, como o número de inscrição social (NIS) e a senha internet (a senha de acesso para consulta benefício ao site da Caixa).
  3. Por fim, o beneficiário deverá clicar no botão “ok”. Caso todas as informações estejam corretas, você será redirecionado à consulta ao seguro desemprego.

Como receber o Seguro Desemprego

Para receber o Seguro Desemprego, o trabalhador deverá ir até à uma agência do Sistema Nacional de Emprego (SINE), Superintendência Regional do Trabalho e Emprego, Ministério do Trabalho. Em algumas dessas agências, o atendente irá analisar se você se enquadra nas diretrizes necessárias para receber este seguro. Caso seja aprovado, o trabalhador poderá receber este seguro numa conta Poupança ou também Conta Corrente da Caixa.

É importante ter em mente que o seguro desemprego só poderá ser recebido numa agência da Caixa Econômica Federal. Ou seja, o trabalhador poderá receber na própria agência da Caixa, correspondente Caixa Aqui e também lotéricas conveniadas a CEF. Mas, é preciso que esteja portando o Cartão do Cidadão juntamente com a senha cadastrada.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...